quinta-feira, 22 de julho de 2010

O supérfluo e o necessário

Uns queriam um emprego melhor;
outros, só um emprego.
Uns queriam uma refeição mais farta;
outros, só uma refeição.
Uns queriam uma vida mais amena;
outros, apenas viver.
Uns queriam pais mais esclarecidos;
outros, ter pais.

Uns queriam ter olhos claros;

outros, enxergar.
Uns queriam ter voz bonita;

outros, falar.
Uns queriam silêncio;

outros, ouvir.
Uns queriam sapato novo;

outros, ter pés.

Uns queriam um carro;

outros, andar.
Uns queriam o supérfluo;
outros, apenas o necessário.


Há dois tipos de sabedoria: a inferior e a superior.
A sabedoria inferior é dada pelo quanto uma pessoa sabe

e a superior é dada pelo quanto ela tem consciência de que não sabe.

Tenha a sabedoria superior.
Seja um eterno aprendiz na escola da vida.
A sabedoria superior tolera, a inferior julga;
a superior alivia, a inferior culpa;
a superior perdoa, a inferior condena.

Tem coisas que o coração
só fala para quem sabe escutar!


Chico Xavier

5 comentários:

Maria Dias disse...

O ser humano é um eterno insatisfeito mas sempre q me vem um pensamento assim de "querer" eu penso que já tenho o suficiente para viver bem e feliz!

Gostei muitíssimo da postagem e tb sua página com cores novas!

Beijinho

Maria

Arion disse...

Gostei Compadre: essa analogia das nescessidades mostra perfeitamente o quanto muitas pessoas não valorizam aquilo que de mais importante possuem. O que para alguns é só um detalhe na sua mísera vida, para outros é alavanca que o impulsiona para a plenitude da felicidade.

San_flower disse...

A conexão comeu meu comentário. :(
Mas to eu aqui de novo, Blog colorido, adoro barcos, me levam pra além...:)
Leu Chico é parar para refletir em profundidade.Homem sábio esimples.
Acredito que aprendemos mais com a maturidade, a gente aprender a usufruir mais das experiências, tirar mais lições de aprendizagem, ponderar mais e obter melhores resultados.
To ficando melhor a cada dia, uhu!!
Beijão
San

APRENDENDO POR AI disse...

Maria com seu "eterno insatisfeito", San com seu "aprendemos mais com a maturidade" e Arion com "analogia das necessidades", leva-nos à compreenção de que no mundo agitado,violento e desigual há espaço para ações em busca do equilíbrio do homem em harmonia com a natureza.
Obrigado gente!

GEOGRAFIA-DANDO A VOLTA AO MUNDO disse...

Chico é um sábio por mérito. Desde cedo aprendeu que é, não tendo,é que se valoriza o que se tem. Já era MADURO na infância por força da missão recebida e vivida exemplarmente.
Aprendi com o Chico que a felicidade está na simplicidade e no desejar e amar o que já se tem.

Abração